Informações da página

Você está em: Página Inicial > Comunicação > Notícias

Início do conteúdo

Estudantes do curso Técnico em Meio Ambiente realizam visitas técnicas

Alunos do curso Técnico em Meio Ambiente durante a visita técnica.

Com o objetivo de conhecer as formas de tratamento e disposição final de resíduos sólidos perigosos e não perigosos, os alunos do curso Técnico em Meio Ambiente visitaram no sábado, 30/11, um aterro industrial do grupo Essencis Soluções Ambientais localizado em Capela de Santana. Os estudantes foram recepcionados com uma breve explanação sobre a empresa e, na sequência, conduzidos até uma das células de disposição final, onde estão acondicionados os resíduos perigosos.

Segundo a responsável técnica, a tecnologia empregada pela Essencis é pioneira no Rio Grande do Sul e é proveniente do Canadá. Os resíduos perigosos e não perigosos são depositados em áreas devidamente impermeabilizadas e cobertas para evitar ao máximo o contato com a água das chuvas e a consequente geração de percolados. Uma vez esgotada a capacidade das células de acondicionamento, procede-se com a cobertura e abre-se uma nova frente para o recebimento de novos resíduos.

No local há ainda um galpão para acondicionamento temporário de resíduos inflamáveis que são encaminhados para co-processamento ou para disposição em solo no município de Joinvile (SC), visto que, legalmente, não se pode enterrar resíduos perigosos inflamáveis no Estado do Rio Grande do Sul.

"Acredita-se que a visita contribuirá para a formação do técnico em meio ambiente, pois foi possível relacionar o conteúdo ministrado em aula com a verificação in loco do funcionamento de um aterro industrial, ou seja, de uma tecnologia de disposição final de resíduos sólidos", relatou a professora Gláucia Cardoso de Souza, ministrante da disciplina de Controle Ambiental.

No retorno a Feliz, os alunos passaram pela Associação de Recicladores de Bom Princípio, a Recibom. Um dos associados mostrou como é feita a triagem dos resíduos sólidos domiciliares que chegam ao local. Segundo o responsável, os resíduos recicláveis chegam misturados com a matéria orgânica e requerem mais tempo para serem triados, além do fato de perderem a qualidade devido à contaminação, dificultando sua comercialização.

A ausência de segregação na fonte geradora acaba dificultando o trabalho dos associados. O rejeito, aquilo que não pode ser comercializado, é enviado para o aterro sanitário em Minas do Leão. Além dos resíduos provenientes das residências de Bom Princípio, chegam ao local, segundo o responsável, resíduos de origem domiciliar especial, como pilhas, baterias, lâmpadas e eletrônicos, e de serviços de saúde.

Galeria

Alunos do curso Técnico em Meio Ambiente e professora Gláucia durante a visita técnica.

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Feliz

Rua Princesa Isabel, 60 | Bairro Vila Rica | CEP: 95770-000 | Feliz - RS

E-mail: comunicacao@feliz.ifrs.edu.br | Gabinete: gabinete@feliz.ifrs.edu.br | Telefone: Lista de Telefones